Thursday, September 27, 2012

Lista de Desejos / Wishlist

Ohh como eu queria ser milionária e só fazer compras online. Ir às lojas e sentir e experimentar roupa é óptimo  não o nego, mas receber uma caixa pelo correio com roupa a cheirar a nova é algo orgásmico. Aquela sensação que tínhamos em pequenos antes do Natal - a ansiedade por abrir as prendas, contar os dias no calendário, não conseguir dormir na noite antes - volta em força e o prazer que sentimos a "desembrulhar" uma caixa com roupa linda e maravilhosa é indescritível.

E isto é o que me apetece comprar agora se não tivesse preocupações monetárias:



Estes cadernos personalizados da Mossery


Estas camisolas da Zenthreads


As tatuagens temporárias de gatos da Harriet Gray


A blusa e praticamente todas as roupas que a Nadia usa da Romwe;








Vários artigos no Ebay

Wednesday, September 26, 2012

What's Up, Doc? #1

Este blog anda parado, lamento. Tenho andado ocupada mas não tenho andado com inspiração.

Mas tenho andado ocupada com o quê? Com a horta ora pois!

Os machos têm preparado a terra e desta vez tudo foi feito com organização e sabedoria. Vai ser uma horta muito bonita. Eu tenho feito viveiros e tratado dos animais. Há uma pata-choca que é hiper fofa. Alguns galos foram mortos para se comer e os patinhos mais pequenos estão agora cada vez maiores!

O gato Bonifácio anda cada vez mais feliz e selvagem a subir pelas árvores e assustar as galinhas e finalmente tivemos as primeiras chuvas!!! Oh happy day! 

Ontem por exemplo tive a fazer viveiros para salsa e manjericão. Para quem não sabe fazer viveiros é quando se planta as sementes em vazinhos pequenos para estas crescerem e depois sim vão para a terra. Faz-se isto para ser mais fácil de elas crescerem nas primeiras semanas. Ficam protegidas do vento, pássaros, e outros, e crescem mais fortes. Depois é só transplantar para a terra.

Eu tirei fotos ontem:



 Como fazer viveiros?

Primeiro prepara-se a terra misturando o estrume;

Não há tempo de ter nojo e mistura-se tudo à mão; 
Depois da terra já posta nos vasos é altura de pôr as sementes;

Et voilá! Viveiros prontos;

Agora que já vos ensinei qualquer coisinha (espero eu!) aqui vos mostro o que se passa no resto da quinta:

O Boni tornou-se um Ninja das árvores!

O Patricio tornou-se o top-model cá da quinta (quite horny);
Os machos trabalham no duro!


A horta está quase pronta;

E eu pronta estou com a minhas botas de borracha hiper-vermelhas que não combinam com nada! 


Sunday, September 16, 2012

Ás armas, Ás armas!

Não vou escrever muito sobre as manifestações. Foram bem feitas e confesso que fiquei orgulhosa dos portugueses que, em quase um milhão de pessoas a manifestar-se, só umas três foram detidas. Muito bem! Também me orgulhei da polícia que, ao contrário de uma manif há uns meses atrás, se passou completamente, nesta estava calma e serena...quase que também num protesto silencioso. Estavam ali porque, enfim, também têm de ganhar o seu dinheiro não é?

O que me custa mais é saber que provavelmente, enquanto todos se manifestavam (e havia realmente pessoas emocionadas com aquilo!), devia estar o Coelho e os outros cabrões no bem-bom dentro da sua casa, a comer marisco, a beber cerveja e a rirem-se de algum programa da televisão. Sim, porque o senhor depois de anunciar que ia tirar ainda mais ao povo, foi com a mulherzinha (que está sempre sorridente, curiosamente), ver um concerto e divertir-se muito. Era só o que faltava ter ido ao concerto de graça!
A manif deve-lhe ter entrado por um ouvido e saído por outro. Que cabrão dum cacete!

Bem...mas não é só de manifestações que se faz uma "revolução"! Vejam o exemplo da Islândia e vejam este documentário:

Wednesday, September 12, 2012

Facto #1

Acho que nunca ansiei tanto o Outono como anseio este ano. E já nem vou falar nos novos outfits de Outono que quero estrear (assim como novas botas)! Falo de ansiar pelo frio, roupa quentinhas, cores de Outono e chás fumegantes.


Monday, September 10, 2012

Não Matem a Cotovia


Não sei se já ouviram falar neste clássico americano chamado To Kill A Mockingbird mas ele é extremamente conhecido. Aqui, na escola, estudamos Os Maias ou Saramago. Lá, nos E.U.A. estudam isto. Por isso tive curiosidade e também porque fiz uma promessa a mim mesma de ler os clássicos.

Lê-se bem (se bem que na segunda parte custou-me um bocado porque já estava de olho noutro livro) e achei amoroso. Segue a história de Scout e Jem, filhos de um advogado, que nos anos 30 decide defender um caso em que acusavam um preto de ter morto e violado uma rapariga branca. Mas tudo isto é contado na perspectiva da rapariga pequena - a Scout. Então é tudo contado de uma maneira ingénua e infantil...mas ao mesmo tempo trata-se de assuntos sérios - racismo, pobreza, injustiça e opressão.

Aprendemos com Scout muitas lições. Ainda bem que os miúdos da escola andam a ler isto pois tem boas morais.
Mas o que mais gostei foi mesmo da primeira parte. Da descrição de um Verão, das brincadeiras parvas de crianças, do desafio de entrar na "casa de Boo Radley", nos pensamentos de miúdos que estão mesmo bem descritos.

Acabamos o livro com uma paixão por Atticus (o pai de Scout e Jem) e com a sensação que realmente este é um clássico que todos deveriam ler.


“You never really understand a person until you consider things from his point of view – until you climb into his skin and walk around in it.”
Atticus Finch, by Harper Lee, To Kill a Mockingbird

Sunday, September 9, 2012

Ando mais inspirada nos sonhos que na realidade

É costume aqui em casa dormir a sesta ao domingo. Quem diz sesta diz dormir a tarde toda. É o resultado de uma mistura entre não haver filmes de jeito na t.v. e aquele feeling que temos que é domingo.
Este domingo sonhei que escrevia uma história e a visualizava ao mesmo tempo. Fiquei inspirada. Cinco minutos depois de acordar a inspiração foi-se.

Sinto-me sempre cansada quando acordo porque o meu cérebro não descansa. Isto é possível?
São sonhos atrás de sonhos, pormenorizados e que muitas vezes me lembro. Eu adoro isto...mas gostava de acordar menos cansada.

Anyway...os domingos são uma seca e nada produtivos. Se bem que há sempre uma refeição especial ao domingo porque a mãe está em casa. Hoje vou comer couve com variados enchidos (yummm) e depois salada de fruta e gelado. Verei True Blood e America's Next Top Model e talvez Breaking Bad. 

Obesa much?

Thursday, September 6, 2012

Os Jogos da Fome


Quem tem um Tumblr e quem o usa frequentemente de certeza que conhece ou ouviu falar nos Hunger Games. Eles (o pessoal do Tumblr) venera este livro e o filme. É especie de moda....tipo o Twilight e o Harry Potter...se bem que isto é sem dúvida melhor que o Twilight.

Como tal desde de algum tempo que ando extremamente curiosa para ler isto e para ver o porquê de tantos admiradores. A premissa da história, lida na Wikipédia, agradou-me. Mundo futurista onde há uma arena onde todos se matam uns aos outros parece interessante.

Primeiro vi o filme...e confesso que pensei que fosse melhor. Depois pensei que bom deveria ser o livro porque, enfim, os filmes nunca chegam aos calcanhares dos livros não é verdade?

Comprei e comecei a ler. Posso garantir que não me agradou nada ser escrito na primeira pessoa. Também me apercebi logo que é um livro escrito para um público infanto-juvenil o que em inglês existe uma expressão melhor - young adult. E isto porquê? Sim tem as suas mortes e sangue e drama e blá blá blá....mas a escrita é muito...light. Quase não hã descrições nenhumas (eu confesso que adoro livros com descrições do cenário, roupas, aspecto das personagens) e lemos a história na perspectiva de uma míuda de 16 anos. Talvez não seja tão mau como eu descrevo....é apenas light demais. Lê-se numa tarde. Dá alguma emoção, descreve demasiado a comida quando devia era estar a descrever o ambiente à volta (não digo no género dos Maias mas tipo...do género do Harry Potter em que nos dá informação suficiente para imaginarmos as coisas.)

No entanto não nego que seja viciante. Acho que para vos fazer perceber a única comparação que encontro são aquelas músicas que não são nada de especial, apenas uns acordes, mas que a gente farta-se de cantar e depois tornam-se hits de karaoke e clássicos? É tipo isso. O Twilight é a Britney Spears, o Hunger Games é a Chistinna Aguilera (que sabe cantar) e o Harry Potter é....a Amy Winehouse? lol

Anyway....confesso que anseio ler os próximos livros.
Suponho que o Game of Thrones seja um Michael Jackson não?

Tuesday, September 4, 2012

Os outros

As "coisas que só acontecem aos outros" ou as "coisas que só acontecem nos filmes" quando acontecem muito próximo de nós é extremamente assustador.
Imprevisívelmente (esta palavra existe?) assustador.
Deixem as "coisas que só acontecem aos outros" acontecer só aos outros...mas a uns outros muito longe...tipo na China ou assim.

Saturday, September 1, 2012

Lovely Sintra

Esta quarta e quinta estive em Sintra numas gravações para um anúncio de chás holandeses. Entre vestidos e penteados do século 19 tive mais que tempo para explorar o Hotel Tivoli Seteais e os seus jardins.


Um gato deitado em panos tradicionais portugueses que estavam à venda algures no centro de Sintra.

Loja no centro de Sintra. 

Tenho uma pancada por portões. 

"Traseiras" da Quinta da Regaleira
Esplanada do hotel.








E foi aqui que apanhei um escaldão.